Receitas

Rancho Vegetariano

Organização em casa não é o meu forte, acho que já falei algures aqui no blog sobre isso. Aquela desculpa de que “o caos é a minha organização” nem para mim funciona porque, aliando isso ao facto de ser um bocado distraída, não imaginam o tempo que às vezes perco à procura de chaves fora do sitio, do telemóvel que ficou caído algures (e sempre sem som, claro, para tornar a busca muito mais divertida) (só que não) ou de papeis importantes que não estão onde deveriam.

Apesar das várias tentativas falhadas de tornar a minha vida um pouco menos caótica, agora estou empenhada a sério em ser a organização em pessoa. Isto porque os meus dias deram uma grande volta. Mudei de emprego para algo que já desejava há muito. Acabaram os dias que pareciam não ter fim! Sair do trabalho ainda com o Sol a brilhar e ter tempo útil para fazer tantas coisas que tenho deixado pendentes nestes últimos anos ainda me parece irreal, mas é bom demais e deixa-me muito feliz! :) Esta mudança levou-me a um hábito que já tinha perdido: levar marmita com almoço para o trabalho. A semana que passou percebi que cozinhar por improviso, como tenho feito sempre, não é a melhor táctica, agora preciso de planear tudo para não chegar ao dia seguinte sem almoço para mim e para o marido. Sim, vou ser daquelas pessoas que faz ementas semanais, planeia as compras e passa o Domingo a fazer comida para o resto dos dias. Não sei como eu e a minha desorganização nos vamos entender com isto mas… desejem-me sorte!!

rancho1_web

Esta receita é uma das minhas favoritas para o Inverno e óptima para marmitas porque não dá grande trabalho para fazer, é só juntar tudo na panela e esperar que fique bem cozidinho, aguenta bem uns 2 dias no frigorífico (pode até ser congelado, se nada do que utilizaram na confecção já o tivesse sido previamente) e continua deliciosamente irresistível no dia seguinte!

E por aí, o que gostam de levar na vossa marmita?

Ingredientes  (para cerca de 4 doses)

  • 1 cebola, grosseiramente picada
  • 2 dentes de alho, picados
  • 1 folha de louro grande
  • 1 tomate grande, aos cubos
  • 1 cenoura média, às rodelas
  • 5 folhas grandes de couve lombarda (usei também couve portuguesa), grosseiramente cortadas
  • 1L de agua
  • 1 colher de sobremesa de paprika fumada (pode também acrescentar um pouco de cominhos se gostar)
  • 2 batatas médias, aos cubos
  • 2 chávenas mal cheias de massa macarrão integral (ou outro tipo de massa pequena)
  • 2 chávenas de grão cozido
  • Uma mão cheia de cogumelos secos (opcional)
  • 1 tira de alga kombu (opcional)
  • Sal e azeite q.b.

 

Como preparar

Num tacho grande comece por refogar a cebola, o alho e o louro com um fiozinho de azeite, até ficar tudo molinho.

Acrescente o tomate e uma pitada de sal e deixe cozinhar até o tomate se desfazer.

Junte a cenoura, a batata, a couve, a paprika fumada, a água e caso use, os cogumelos secos e a alga kombu. Tempere com sal e tape o tacho para que a água ferva.

Quando as batatas já estiverem a ficar cozidas, mas ainda firmes, junte a massa macarrão e quando faltarem uns 3 minutos para tudo estar pronto acrescente o grão cozido.

Rectifique o tempero e sirva.

rancho3_web

 

Previous Post Next Post

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply Ana Novembro 28, 2015 at 9:18 pm

    Olá Patrícia!
    Aguardo que partilhes essas dicas pois apesar de sempre ter sido muito organizada em tudo, na parte da comida tenho muita dificuldade em fazer menus semanais e quase sempre acabo por improvisar! E também tenho que levar marmita para o trabalho.
    Por isso cá espero para ver as tuas dicas :)
    Às vezes as melhores dicas são mesmo de quem está a começar!
    Beijinhos

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Dezembro 5, 2015 at 9:19 am

      Olá Ana, confesso-te que tem sido difíCil, já passaram duas semanas e ainda não encontrei o equilibrio, mas acho que é uma boa ideia depois partilhar aqui algumas dicas, vou só ter de deixar passar mais algum tempo para ver o que resulta comigo! :) beijinhoo*

  • Reply Liliana Cristina Novembro 30, 2015 at 12:02 am

    Só uma pergunta? Demolhaste A alga?

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Dezembro 5, 2015 at 9:14 am

      Olá Liliana, não demolhei porque como ia cozê-la no caldo do rancho e como apenas queria que ela libertasse as vitaminas, não ia comê-la, deixei assim. Mas se quiseres podes demolhar um pouco antes para conseguires cortar em pedaços mais pequenos para se misturar com o resto dos ingredientes :)

  • Reply Ginja Dezembro 3, 2015 at 10:31 pm

    Boa Patrícia!
    Fico muito felzi por ti, por esse novo trabalho e por estares feliz!
    E claro que sim, vais conseguir organizar isso tudo.
    Sabes que não sou vegetariana, e sempre gostei de rancho e curiosamente, colocava sempre a carne de lado e comia assim como tu, e era e é como me sabe melhor.

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Dezembro 5, 2015 at 9:12 am

      Obrigada Inês, tem sido difícil pôr tudo em ordem com esta mudança, mas sim, estou muito contente :)
      Eu fazia o mesmo, as batatas e a couve é que me interessavam eheh
      Beijinhooo*

    Leave a Reply