Receitas

O Melhor Bolo de Chocolate do Mundo.

Se há coisa que mudou quando escolhi fazer uma alimentação vegetariana, foi sem dúvida o paladar. Fiquei muito mais receptiva a experimentar novos alimentos, aprendi a gostar de sabores que não eram os meus preferidos e até mesmo sabores que odiava e bastava ter isso no prato para já não comer nada. Nos sabores que eu não podia ver à frente estavam os coentros (bolas, como é que era possível eu não gostava de coentros!!) e…. chocolate!

É verdade, nunca fui menina de chocolate, nem em bolachas, nem em gelados, nem no leite. Basicamente, de chocolate, só gostava do salame. Mas desde que comecei a cozinhar tenho comido mais, tenho-me acostumado ao seu gosto e agora até dou por mim a querer comer coisas com chocolate! Oh Universo, o que foste fazer comigo? Porquêeeeee??? Já não bastava eu ser gulosa por tudo o resto?? Enfim, nada a fazer e agora o marido não sabe se há-de ficar contente ou triste com esta mudança. É que, se por um lado, faço muito mais sobremesas e bolachas com chocolate do que fazia antes, por outro também as como em maior quantidade e menos sobra para ele! :P

Nestas descobertas percebi que gosto mesmo é de de chocolate preto e de cacau, que batidos de banana com cacau e hortelã são de cair para o lado e que a mistura de chocolate com manteiga de amendoim ou com avelãs é só a melhor combinação de sempre. E foi mesmo esta última que deu origem a este bolo, o Melhor Bolo de Chocolate Vegan do Mundo!

E porque razão é este o melhor bolo de chocolate do Mundo? Porque é fofo, húmido, com sabor intenso a chocolate e tem umas deliciosas avelãs tostadas, crocantes, a disparar sabor em todas as garfadas. A receita fui buscá-la a um livro lindo e imensamente guloso, um dos meus livros preferidos de sobremesas, que nunca me tem deixado mal com o que experimento. Demora algum tempo a fazer, mas vale a pena cada migalhinha. Façam… e comam! Não dá para expressar em palavras o quanto isto é bom! ;)

BOLODECHOCOLATE4

(Ligeiramente adaptado do livro “Vegan Chocolate”)

Ingredientes (para 1 bolo com 3 ou 4 camadas)

Para o bolo

  • 2 chávenas / 350g de açúcar de cana (ou mascavado)
  • 1 + 1/2 chávena / 160g de farinha de trigo sem fermento
  • 1 + 1/2 chávena / 160g chávena de farinha de trigo integral
  • 2/3 chávena / 50g de cacau em pó
  • 2 colheres de sobremesa de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de sobremesa de sal
  • 2  chávenas / 500mL de água
  • 2/3 chávena / 160 mL de azeite suave ou óleo vegetal (usei metade azeite, metade óleo de coco)
  • 2 colheres de sopa / 30mL de melaço de cana (ou maple syrup)
  • 2 colheres de sopa / 30mL de vinagre de cidra

Para o recheio e cobertura

  • 1 chávena / 125g de açúcar de cana
  • 1/2 chávena / 75g de amido de milho (farinha maizena)
  • 1/2 chávena / 40g de cacau em pó
  • 1/2 colher de sobremesa de sal
  • 900 mL de leite vegetal (se for um leite adoçado, reduzir a quantidade de açúcar para cerca de 2/3 de chávena)
  • 85 g de chocolate preto, de preferência com mais de 60% de cacau, partido em pedaços pequenos.
  • 200g de avelãs com pele

 

Como preparar

O bolo

Nota: Para fazer o bolo é necessária uma forma redonda de 23 ou 24 cm de diâmetro. Caso tenha duas formas destas, prepare o bolo com as quantidades indicadas na lista de ingredientes. Caso tenha apenas uma forma, como é o meu caso, divida as quantidades do bolo pela metade, para fazê-lo por duas vezes, tal como explico de seguida.

  1. Com um passador de rede fino, peneirar para uma tigela grande 1/2 + 1/4 de chávena das farinhas, 1 chávena de açúcar e 1/3 chávena de cacau. O restos de farinha e de açúcar que ficarem no passador juntam-se à tigela. Acrescentar 1 colher de sobremesa de bicarbonato de sódio, 1/2 colher de sobremesa de sal e com uma vara de arames misturar tudo. Reservar.
  2. Numa outra tigela juntar 1 chávena de água com 80 mL do azeite ou óleo (usei 40mL de azeite e 40mL de óleo de coco), 1 colher de sopa de vinagre de cidra e 1 colher de sopa do melaço. Com a vara de arames misturar bem até que o melaço fique totalmente incorporado nos líquidos.
  3. Transferir a mistura líquida para a tigela com as farinhas e envolver bem com a vara de arames, até a massa ficar suave.
  4. Forrar a forma com papel vegetal ou com óleo e cacau em pó e colocar a massa na forma, rodando-a e batendo com o fundo na mesa para nivelar a massa e evitar que se formem canais de ar no bolo.
  5. Levar ao forno a 180ºC durante cerca de 30 min. No caso de ter as duas formas preparar os passos 1, 2, 3 e 4 com a quantidade total dos ingredientes e dividir a massa pelas duas formas, levando ambas ao forno simultaneamente, ao mesmo nível.
  6. 5-10 minutos depois do bolo sair do forno, retirar da forma e deixar arrefecer.
  7. Se tem apenas uma forma, após o bolo ser retirado da mesma, repita todos os passos anteriores para fazer o 2º bolo.

 

O recheio

  1. Peneirar, para um tacho, o cacau, o açúcar e o amido de milho. Os restos que ficarem no passador, juntam-se aos peneirados. Acrescentar o sal e misturar tudo com a vara de arames.
  2. Lentamente adicione o leite, mexendo sempre com a vara de arames, até que os ingredientes secos fiquem completamente dissolvidos.
  3. Levar o tacho ao lume, médio-alto, continuando a mexer (aqui já pode ser com uma colher de pau ou silicone), até que a misture comece a engrossar. Quando isso acontecer e o molho comece a ferver, baixar o lume e deixar fervilhar por mais 1 minuto, de modo a ficar mais consistente, não parando de mexer para que não fique agarrado ao fundo do tacho.
  4. Retirar do lume, junte os pedaços de chocolate e envolva tudo até que o chocolate derreta.
  5. Colocar o molho numa taça para arrefecer. Pode arrefecer à temperatura ambiente ou pode ser colocado no frigorífico. Neste caso, deve cobrir-se a superfície do molho com papel vegetal para não formar uma “pele”.
  6. Tostar as avelãs, colocando-as no forno a 180ºC durante 5-10 minutos. Após estarem arrefecidas esfregue-as nas mãos para a pele sair e reserve.

 

Montagem do Bolo

  1. Depois de todos os componentes do bolo terem arrefecido, proceder à montagem.
  2. Picar ou cortar grosseiramente as avelãs e reservar.
  3. Cortar os dois bolos de chocolate, horizontalmente, para que fiquem com 4 camadas no total.
  4. Colocar a primeira camada de bolo no prato de servir e barrar com um pedaço generoso do recheio de chocolate. Polvilhar com avelãs.
  5. Colocar outra camada de bolo por cima do recheio e repetir o processo de barrar com o chocolate e das avelãs, até o bolo ter as as camadas que quiser, podendo ser 3, como o que fiz, ou usando a totalidade do bolo.
  6. Quando a última camada de bolo for colocada, barrar o topo com o molho até ficar completamente tapado (se escorrer um pouco não tem problema) e finalizar com o resto das avelãs.
  7. Reservar no frigorífico até que seja altura de o DEVORAR!! ;)

 

BOLOCHOCOLATE2

BOLOCHOCOLATE1

 

NOTAS:

  • Se sobrar bolo, caso façam 3 camadas como eu, ou recheio, não desperdicem. Utilizem para outras sobremesas, o bolo por exemplo para um trifle e o molho para uns crepes ou panquecas. Ou então comam os restos assim mesmo. ;)
  • O recheio fica bastante espesso, com uma consistência quase de pudim. Se quiserem que fique mais líquido, como se fosse uma ganache, basta retire-lo do lume assim que começar a engrossar e juntar o chocolate logo de seguida. O recheio mais líquido permite que o bolo o absorva, ficando mais húmido. Já experimentei e é absolutamente delicioso, no entanto perde-se o efeito de camadas. Mas fica uma perdição!
  • Os bolos e o recheio podem ser feitos com 1 dia de antecedência, procedendo-se à montagem no dia seguinte.
Previous Post Next Post

You Might Also Like

9 Comments

  • Reply Ovelha Negra Março 25, 2015 at 12:27 pm

    Eu só comia chocolate em tableta ou em salame, de resto nunca fui a maior fã de bolos de chocolate. Até ao dia em que fiz um, à minha maneira, com cacau e chocolate (porque com os 2 vai ainda melhor).
    Eu andava a estranhar os bolos vegan, mas deu-me a louca paraos fazer e agora confesso, já não penso noutros. E este… ai ai, estoou a passar mal. Mas podia estar a passar pior – é que no outro dia fiz muffins de chocolate e granoça (vegan) e ainda ali tenho uns – para comer e ver estas fotos e babar-me :)

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Abril 4, 2015 at 10:31 pm

      ehehe muffins de chocolate e granola também me parecem uma maravilha! Olha adoro que te tenhas virado agora para os doces vegan porque inspiração para bolinhos nunca é demais! :P
      O cacau tramou-nos a vida Teresa, agora tudo o que tiver chocolate já parece maravilhoso, eheh!

      beijinhoo*

  • Reply Ginja Março 28, 2015 at 2:19 pm

    Eu fiquei viciada em chocolate quando pela primeira vez o provei, ainda era eu pequenina que nem me lembro, mas pelo que me contam eu ia ao colo do meu pai e estava outro menino com um chocolate na mão e eu “retirei-lho” por assim dizer e a minha mãe apanhou-me de olhos tortos a lamber a tablete como se não houvesse amanhã hehe! Atenção que os meus pais nunca me davam chocolates, só mais tarde regressei ao seu sabor, que adoro. Adoro chocolate negro e adoro cacau, e adoro o teu bolo, ficou perfeito, adoro a cor e a textura nota-se que é mesmo maravilhosa com esse recheio que lembra pudim. Tentação menina veggie :) da boa!
    Um beijinho.
    (PS: nao me parece que se desperdice nadinha!)

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Abril 4, 2015 at 10:29 pm

      ahahhaha já me ri tanto a imaginar a cena, coitadinho do garoto, gulosa mesmo desde piquenina!! :P Tirando uns rebuçados em casa dos avós e dos padrinhos, também raramente comia doces, mas nos dias de festa era certinho, andava sempre agarrada à colher a provar tudo :P e agora deu-me pro chocolate, já viste a minha vida?? estou feita!!

      obrigada ginja,e sim, não se desperdiça nada docinho cá em casa, nem chocolate :P

  • Reply Segunda na quarta! | 7Seasons Outubro 28, 2015 at 9:08 am

    […] BOLO DE CHOCOLATE (clica, clica!) […]

  • Reply Ana Ferreira Dezembro 26, 2016 at 1:17 pm

    Adorei a receita! Poderia indicar-me a loja onde compra o chocolate negro? é que todos os que encontro contém vestígios de leite, e sendo uma receita vegan suponho que não tenha, correto? obrigada!

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Dezembro 26, 2016 at 3:38 pm

      Olá Ana. Há várias marcas certificadas vegan, pode encontrá-las em lojas on-line como a Fair-Fair, a Pronatural, Sapato Verde, ou em lojas físicas de produtos naturais ou biológicos.
      Em relação aos vestígios isso é uma forma de protecção das marcas em relação às alergias alimentares, neste caso às alergias à lactose ou à proteina do leite de vaca por ex. O produto em si não tem leite como ingrediente, mas como é produzido em locais onde também há produção de produtos que contenham esse ingrediente, o facto tem de ser mencionado e é daí que surge a advertência de que pode ter vestígios. Assim sendo, eu uso produtos que digam que têm vestígios, desde que nos ingredientes não seja mesmo utilizado nada de origem animal. De supermercado uma das minhas marcas preferidas é a Lindt, um pouco cara, mas tem boa composição. :)

  • Reply sweet Maio 15, 2018 at 11:13 am

    Fiz para o aniversário da minha mãe e foi um sucesso!
    Toda a gente adorou :) Ficou bem húmido e suculento, obrigada pela receita!!

    • NotGuiltyPleasure
      Reply NotGuiltyPleasure Julho 15, 2018 at 4:35 pm

      Ooh que bom, cá em casa também é um sucesso, adoramos! :)

    Leave a Reply