Na Cozinha da Vizinha

Na Cozinha da Vizinha {Maio}

A Cozinha da Vizinha voltou!

Muito atrasada, eu sei, mas cheia de novas receitas testadas. :)
Granola de Millet e Amêndoas, do blog Nem Acredito que é Saudável
 
Quem acompanha o facebook ou o instagram do blog já viu esta imagem por lá.
Fiquei absolutamente viciada nesta granola, é a melhor que já fiz em casa, sem dúvida! Apesar dos meus grãos de millet não terem ficado tão aglomerados como na granola da Sara, estavam estaladiços e deram-lhe uma textura fantástica que adorei! O sabor a canela é divino e as amêndoas ficam maravilhosas nesta mistura.
Pequenas alterações: como não sou fã de passas nos cereais troquei-as por arandos vermelhos secos. A minha granola ficou tostadinha em 20 minutos, pelo que juntei as amêndoas e os arandos já depois de ter saído do forno, ficando delicioso na mesma!
Não consegui tirar foto só da granola, porque se comeu num instante, mas numa tacinha igual a estas, com iogurte, fruta é um pequeno-almoço dos céus! :)
Patê de Favas com Endro, do blog Cozinhar Sem Lactose
Adoro patês e adoro favas, logo, assim que vi esta receita, soube que tinha de a experimentar!
É uma grande seca descascar as favas cozidas, confesso, mas o resultado final faz valer muito a pena, é um patê delicioso! Muito cremoso, com uma combinação perfeita do sabor das favas com limão e as ervas.
Como não encontrei endro, para ser fiél à receita, troquei por rama de funcho e dividi o creme em duas porções para também experimentar com coentros, como vi no blog Doce Fim de Semana. Gostei mais da versão dos coentros, talvez porque associe aos sabores das favas guisadas que tanto gosto e por isso esta versão do patê desapareceu num instante em tostinhas e em sandes.
A versão com funcho não se desperdiçou e roubando mais uma ideia à Gori, que usou o resto do patê num risotto, eu utilizei como se fosse um pesto para uma massa. Juntei ainda alho salteado em azeite com um restinho de chouriço de seitan que tinha no frigorífico, mais umas favas cozidas que sobraram do patê e tomate e ficou um almoço delicioso!
A repetir, de certeza!
 
Esta receita foi roubada a um vizinho :P Beterraba e batata doce são dos meus alimentos preferidos para assar, os seus sabores doces sobressaem e nesta receita, com o seu tempero salgado faz um contraste espectacular. Muita atenção porque é difícil parar de comê-las!! Ainda por cima são feitas no forno sem recorrer a um pingo de gordura, portanto esqueçam lá as batatas fritas e outras coisas menos saudáveis de pacote, isto é que é um aperitivo a sério e para comer sem culpas!!
As minhas chips ficaram um pouco moles, penso que se deva a não estarem tão fininhas quanto deveriam (a minha mandolina está estragada :| ) mas estavam igualmente deliciosas. Mais uma receita para o grupo das preferidas! ;)
Pequenas adaptações: fiz o tempero apenas com 2 colheres de sopa de sal, 1 colher de sopa de alecrim seco e a pimenta, moendo tudo no almofariz. Usei 2 batatas doces e mesmo assim sobrou-me imenso sal aromatizado, que guardei e já utilizei mais vezes nos meus legumes grelhados.
Este blog é um dos meus favoritos, tem imensas receitas que quero experimentar, são simples e a maioria com poucos ingredientes e as fotos deixam-me a babar para cima do computador.
Apesar de não ser a maior apreciadora de bolos de banana ou cacau tinha muita vontade de fazer este por culpa da manteiga de amendoim. Fiz algumas alterações na receita consoante o que tinha disponível cá em casa: usei apenas 1 chávena de amêndoa picada (que eles chamam de “almond meal”), não pus o óleo porque me esqueci, usei leite vegetal já com açúcar e por isso não juntei o açúcar amarelo, utilizei farinha de trigo sarraceno para manter a versão gluten free e não adicionei as pepitas, tanto de chocolate como de manteiga de amendoim.
Confesso que quando trinquei a primeira fatia fiquei um bocadinho desiludida. A manteiga de amendoim quase não se sentia e o sabor a banana era bastante intenso. Quem gosta muito do sabor deste fruto vai com certeza gostar deste pão. Sim, pão. A textura não é de bolo, fica firme e consistente, como se de um pão se tratasse. (Infelizmente esqueci-me de tirar uma foto do aspecto interior :| )
No dia seguinte experimentei ao pequeno almoço uma fatia barrada em manteiga de amendoim e outra em doce de morango. Tãaaaao bom!! Aí sim, as minhas papilas gustativas fizeram a festa na minha boca! :)
Molho de “Queijo”, do blog Minimalist Baker.
Nem sempre as receitas que experimento correm bem, acontece a todos, esta é um exemplo.
É do mesmo blog da receita anterior e estava mortinha para fazê-la porque era uma receita mais rápida de fazer do que as que já tinha visto de cremes de “queijo”, onde normalmente são usados frutos secos demolhados durante algumas horas. Fui comprar o leite de amêndoa sem açúcar requerido na receita, assei a beringela, ajustei as quantidades de tempero ao meu gosto e no final…..blhec! Não gostei nada do resultado. Como é óbvio nunca iria saber a queijo, claro, mas meu molho ficou com um gosto muito enjoativo nem sei bem a quê. Acho que foram os cominhos que me mataram. Gosto muito do seu sabor mas com moderação e apesar de ter colocado menos quantidade que a referida na receita, estava demasiado forte.
Nem tirei foto, mas posso dizer-vos que não ficou um creme bonito como o da receita original…
E assim a minha lista de receitas a experimentar vai diminuindo… no fim deste mês trago mais! ;)
Previous Post Next Post

You Might Also Like

20 Comments

  • Reply Cozinhar sem Lactose Junho 8, 2014 at 12:29 pm

    Fico contente que tenhas experimentado e gostado do paté! Eu não provei com coentros (tenho que experimentar da próxima vez), mas como eu sou grande fã de funcho e endro, cheira-me que vou continuar a preferir a versão original! ;-) A reutilização numa massa é ótima, eu usei o que sobrou em hambúrgueres vegetarianos.

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 16, 2014 at 3:22 pm

      Eu gosto muito de funcho, em bolbo, achei que também ia gostar da rama mas o sabor pareceu-me diferente, não fiquei tão fã. Os teus hambúrgueres também estão para ser experimentados, achei deliciosos :)

  • Reply Flores de Oliveira Junho 8, 2014 at 12:33 pm

    Deliciosa sugestões :)
    Beijinho

  • Reply Avelã Junho 8, 2014 at 1:21 pm

    Tudo com muito bom aspeto! Eu fico sempre desiludida com os bolos de manteiga de amendoim, porque se a manteiga de amendoim está na massa quase nem se nota ou fica seca… O único doce “cozinhado” que fiz com manteiga de amendoim (considerando que sou mais adepta de manteiga de amendoim no seu estado puro, haha) foi mesmo cupcake de chocolate negro com frosting de manteiga de amendoim, mas para compensar estava incrivelmente bom… Mesmo delicioso! No entanto, tenho planos para fazer uma sobremesa deliciosa com manteiga de amendoim daqui a umas semanas… para os amantes de manteiga de amendoim que conheço (não, não sou só eu, isso seria demasiado decadente hahaha) :)
    já fiz umas chips de batata doce aos palitos, por acaso eram muito boas :) da docinha haha, também já fiz com uma roxa mas não ficou tão bom :)
    Que pena que o molho não tenha corrido bem… Bem, hão de haver melhores tentativas :)
    Favas… este ano já tive a minha justa parte, mas quero maaais :P
    Já agora, és completamente vegan? É que eu tinha a ideia que eras vegetariana e que comias poucos produtos de origem animal, mas não vejo receitas no teu blog com ovo, queijo, etc, por isso não sei. Já agora, deixa-me dizer-te que acho o teu blog muito inovador, porque por aqui (em Portugal) há poucos blogs vegan! E este tem logo um monte de receitas deliciosas que mostram que pode haver comida vegan muito saborosa :)

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 19, 2014 at 7:50 am

      Obrigada pelas tuas palavras avelã, fico mesmo muito contente que aches isso do blogue pois é exactamente o que quero mostrar, que a comida vegetariana pode ser deliciosa e apetecível :) eu tornei-me totalmente vegetariana no inicio deste ano mas já faço esta alimentação há mais tempo, cá em casa só cozinho em modo vegan há 2 anos mais ou menos. O blog representa a alimentação que faço é por isso não tem nada de ingredientes animais, é tudo vegetal por aqui ;)
      Fiquei mesmo triste com o bolo mas já fiz umas bolachas de manteiga de amendoim que são de cair pro lado! :)
      Beijinho*

  • Reply Gori Junho 8, 2014 at 3:41 pm

    Tanta coisa boa! A granola também já experimentei, mas a da Márcia com trigo sarraceno continua no meu top.
    Não cheguei a conseguir mais favas nem o endro, por isso ainda não consegui provar a outra versão, mas fico muito contente que tenhas gostado com os coentros (não chegaste a colocar a malagueta, pois não? ) e fiquei cheia de vontade de provar com essa massa, que delícia que deve ser!
    Essas chips devem ser uma delícia, será o meu novo acompanhamento a experimentar com uns hambúrgueres dos bons!
    E o pão deve ser delicioso, mesmo sem saber muito à manteiga de amendoim, e caso se queira realçar nada como barrar uma fatia com ela como tu fizeste ;) realmente tu não gostas nada dessa manteiga, pois não? :)
    Beijinho
    Adoro esta tua rubrica!

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 19, 2014 at 7:54 am

      Tenho de fazer a da Márcia também, nunca provei trigo sarraceno!
      E não, não pus malagueta, prefiro assim sem picantes ;)
      Eu e a manteiga de amendoim não foi amor à primeira vista mas parece-me que vai ser para sempre eh eh :)
      Beijinhoo

  • Reply Ana Teles Junho 8, 2014 at 8:44 pm

    Ficou tudo fantástico!
    Adorei esta rubrica no blog. <3

    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha

  • Reply Nem acredito que é saudável! Junho 8, 2014 at 10:27 pm

    Obrigado por teres experimentado a granola e teres partilhado a tua experiência :D
    Espero que tenha ajudado a começar bem os dias
    beijinhos
    sara

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 19, 2014 at 7:56 am

      É deliciosa e não ajudou só de manhã, é que eu comi a toda a hora ihih :P
      Beijinho

  • Reply Inês Ginja Junho 9, 2014 at 6:17 pm

    Só coisas boas Patricia!
    A começar na granola da Sara, qyue também adoro e a acabar nesse pão de banana dum blog que tb adoro!
    (e nem sei como essa receita me passou ao lado, quero ver se a faço!).
    Um beijinho.

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 19, 2014 at 7:58 am

      Eu fiquei logo de olho neste pão quando o vi, se gostas do sabor a banana faz sim, com certeza que vais gostar :)

      Beijinho*

  • Reply Joana Banana Junho 10, 2014 at 8:44 am

    Chips de beterraba, woooow! Tenho de experimentar : )

  • Reply Limited Edition Junho 11, 2014 at 9:41 pm

    como assim, este mês não aparece uma receita minha sem fotografia?! este blogue está a perder qualidade… :p
    ***

    • Reply NotGuiltyPleasure Junho 19, 2014 at 8:01 am

      Ahahahah reclamação aceite, este mês eu tiro uma foto toda xpto quando fizer uma receita tua :)

      Beijinho

  • Reply conteudovazio Setembro 10, 2014 at 9:34 am

    Fiz a granola para levar comigo para Espanha. O amigo que me acompanhou adorou!!!!
    Tanto que ia acabando com o frasco todo! ahahahah!!
    A minha tia e a minha avò adoraram e a já encomendaram mais! =P

    Tenho pena que o bolo não tenha corrido bem, é que parece uma combinação brutal!! banana, cacau e manteiga de amendoim!! Mas sabes, com os meus bolos o que acontece é que só ficam com bom sabor 24h depois! Já a Maria do The Love Food disse o mesmo dos dela no workshop.
    Devem ficar mais apuradinhos ehehehe!!

    Outra coisa que fez muito furor cá em casa foi o teu chantili de morangos! (ou frutos vermelhos)… tem sido o meu topping no verão e até a minha irmã que odeia chantilli adorou!

    **

    • Reply NotGuiltyPleasure Setembro 13, 2014 at 10:58 pm

      OS meus bolos costumam ficar bons mas neste eu estava à espera de mais sabor da manteiga de amendoim e não aconteceu.

      A granola é tãaaao boa, também já fiz mais vezes, adoro :)

      ahah o chantili, eu também não sou nada fã, mas com os frutos vermelhos fica bom sim! :)

    Leave a Reply

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.