Receitas

Arroz com Cebola e Alho Francês Caramelizado

O título deste post bem podia ser “Como dois erros na cozinha dão origem ao melhor arroz que já comi!”.
1º erro: 
Fui às compras depois de ter saído de uma noite de trabalho, voltei para casa, pus os sacos na cozinha e fui-me deitar no sofá a descansar. Claro que nem me lembrei que tinha uma embalagem de milho e outra de espinafres congelados que deveria ter guardado. Resultado: andei a comer espinafres e milho às carradas nos dias seguintes.
2º erro:
Fazer arroz mais cedo do que o resto da refeição. Sou péssima com arroz, é raro sair-me no ponto e ainda por cima nunca acerto no timming para que esteja pronto. Por isso adoro usar arroz basmati, porque sai sempre bem, para além do sabor que é óptimo. No outro dia fiz arroz agulha como acompanhamento para o almoço e ficou perfeito…
… para tapar umas rachas na parede do meu quarto!!

Mas se juntarmos a este arroz, que nada prometia, alguns legumes simples (milho descongelado por engano incluído) bem aromatizados e caramelizados, temos um resultado absolutamente delicioso e viciante!

 

(Adaptado do blog “The Love Food”)
Ingredientes
Arroz cozido (cerca de 1 + 1/2 chávena)
1 colher de sobremesa de azeite
1 cebola média, às rodelas
1 alho francês, em meias luas
1/2 chávena de milho
1 cenoura média, ralada
1/2 colher de sobremesa de cominhos em pó
1/2 colher de sobremesa de pimentão doce
1 colher de sobremesa de alho em pó
1 colher de sopa de vinagre balsâmico
1 maçã verde média, em pedaços pequenos
Sal q.b.
Nota: os temperos foram colocado a olho, pelo que estas quantidades são aproximadas. Vão provando (ou, se forem como eu, cheirando) até que esteja do vosso agrado.
 
Como preparar
Numa frigideira colocar o azeite, a cebola, o alho francês e um pouquinho de sal e cozinhar em lume médio, mexendo sempre para não queimar, até amolecer.
Juntar o milho, a cenoura, os cominhos, o pimentão doce e o alho em pó e envolver bem.
Quando a cenoura estiver amolecida aumentar ligeiramente o lume, adicionar o vinagre balsâmico, mexer bem e deixar a mistura caramelizar durante alguns minutos. (Deixo um bocadinho ao lume sem mexer porque gosto de deixar os legumes tostarem, mas com cuidado para não queimar).
Rectificar os temperos e envolver a mistura no arroz.
Acrescentar a maçã partida e servir.
É um arroz que serve como um óptimo acompanhamento e que é ideal para aproveitar sobras, tanto de arroz como de legumes que estejam perdidos pelo frigorífico.
O meu foi utilizado para fazer estes enroladinhos de couve, do mesmo blog de onde adaptei o arroz, que foram devorados num instante e vão ser repetidos com toda a certeza!
Para a próxima vou colocar umas amêndoas tostadas ou outro fruto seco por cima, deve ficar tão bom, nhaami!! :)
Previous Post Next Post

You Might Also Like

24 Comments

  • Reply Gori Março 28, 2014 at 9:37 am

    Olha que gostei mesmo muito desse resultado vindo de desastres, muito delicioso, ainda para mais eu tenho um gosto particular por tudo o que é recheado! Já fiz várias vezes uns pacotes de couve com outros recheios, por isso este também vou gostar de certeza, embora talvez vá mudar para arroz integral :)
    Beijinhos

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 28, 2014 at 3:57 pm

      Quando os desastres acabam assim é bem bom :P Eu só tinha comido couve com salsicha, mas gostei tanto destes com arroz, é maravilhoso, experimenta sim :)

      beijinho*

  • Reply Tertúlia da Susy Março 28, 2014 at 3:26 pm

    Que arroz tão saboroso, gostei da ideia.
    Bjs

  • Reply Green Food Março 28, 2014 at 6:07 pm

    Deve ter ficado uma delicia :)
    Também tenho problemas com o arroz, fica sempre em papas, não sei porque :P… por isso também costumo usar mais o basmati e houve uma altura que usava muito o vaporizado também, por muito que coza fica sempre soltinho :P

    Beijos, Sónia

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:30 am

      também costumava usar vaporizado mas agora prefiro o bsmati sem dúvida alguma. O arroz é dificil de domar, estou a ver, pelo menos não sou a única! :P

      bejinho*

  • Reply Cozinhar sem Lactose Março 28, 2014 at 7:10 pm

    O arroz tem um ar excelente! Adoro a utilização que fazes do balsâmico.

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:29 am

      Obrigada :) Adoro cozinhar com balsâmico, uso bastante!!

  • Reply Limited Edition Março 28, 2014 at 8:02 pm

    gostei do toque do vinagre balsâmico para caramelizar (juro que não sabia), por isso vou experimentar. também vi esses rolinhos e estou tentada a fazê-los. são uma óptima maneira de aproveitar sobras de arroz e legumes (como aqueles que andam perdidos pelo meu frigorífico estes dias). olha uma dica para a troca: investe num tupperware que serve para fazer arroz. tenho esse e o da massa e nunca me desiludiram. o primeiro também serve para cozer outros grãos, tipo quinoa, bulgur… colocas muito pouco sal (o que já de si é óptimo) e levas ao microondas cerca de 10m até que coza. depois juntas manteiga e deixas repousar uns minutos antes de servir. também podes colocar cogumelos, coentros, etc que fica muito bom. é só acertares com as temperaturas e tempos e ficas com o fogão e as panelas libertos para outros cozinhados. acho que custa cerca de 20€, mas foi um dos melhores investimentos que fiz, mesmo não tendo a tendência de queimar o arroz, mas sempre simplificou a minha vida e quem fica com essa tarefa de controlar o microondas é o meu marido ;) beijinhos

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:27 am

      Eu digo que carameliza porque ajuda a dar esse gostinho, porque como o vinagre balsâmico tem um travo doce fica muito bem.
      Essa caixa parece fenomenal, não conhecia, gosto particularmente de podermos pôr os maridos a controlar isso, genial!! :P Eu até tenho uma panela de cozer arroz, supostamente aquilo coze sozinho e nem tens de te preocupar que agarre ou queime. Essa parte é verdade, mas como ela só pára de cozer quando já não tem mesmo líquido quando me descuido lá fica o arroz em papas. Enfim, é o meu calcanhar de aquiles, hei-de melhorar! (e hei-de ver dessa caixa com a fornecedora de tupperware da minha mãe!)

      Obrigada, beijinho** :)

  • Reply Avelã Março 29, 2014 at 10:05 am

    Parece mesmo bom! O arroz com legumes (às vezes) fica mesmo bonito e apetitoso… Ainda bem que te esqueceste dos congelados!
    A minha avó é que tem jeito para o arroz, sai-lhe sempre direito… Só que quando tenta fazer mais seco tem de deitar mais arroz em vez de menos água (já lhe tentei explicar sem sucesso que deitar mais arroz ou menos água é, em termos proporcionais, a mesma coisa, mas ela pensa que é uma «modernice» de cozinha de que ela nunca ouviu falar, por isso nem sequer me ouve :P)

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:22 am

      ahah as avós e a sua sabedoria, mais vale nem questionar ;)
      Este arroz é bom sim avelã, acho que dá um excelente acompanahamento!

      beijinho

  • Reply Sandra Ribeiro Março 29, 2014 at 10:14 am

    Um prato primaveril! Adoro o arroz preparado dessa forma! Com muitos legumes e tofu salteado também fica delicioso:) Obrg!

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:20 am

      Às vezes faço com tofu também, mas este com a maçã e o alho francês achei mesmo delicioso :)

      beijinho

  • Reply Entre Tralhas e Panelas Março 29, 2014 at 12:13 pm

    Esse arroz tem um aspecto mesmo delicioso :)

  • Reply Inês Ginja Março 29, 2014 at 3:26 pm

    Esses rolinhos de couve parecem-me bem e adoro o arrozinho com a maçã bem colorido.
    Bem, o que me ri com o teu segundo erro, mas olha nestas coisas nao há erros, so experiências :)
    Um beijinho.

    • Reply NotGuiltyPleasure Março 31, 2014 at 12:18 am

      Ainda tenho muita experiência a ganhar então, Ginja, que isto é raro não me acontecer :P

      beijinho

  • Reply Ana Março 30, 2014 at 10:13 am

    Olá!

    Que maravilha! Gostei muito! Obrigada!

    Gosto muito do teu blogue e por isso aqui fica o Prémio Conóceme!

    Vê tudo aqui: http://devoltaacozinha.blogspot.pt/2014/03/premio-conoceme.html!

    Bjs

  • Reply conteudovazio Abril 1, 2014 at 1:57 pm

    sabes aquele restaurante que é noods? no largo da trindade? tem um arroz cheio de vegetais com um sabor tão bom… e estou a olhar para a tua tijela de arroz e a pensar.. nham!!! =)

    (surpresa pa tu no blog! happy B-day!! =))

    • Reply NotGuiltyPleasure Abril 2, 2014 at 11:16 pm

      sim sei, eu tenho aqui um arroz inspirado nele :) é muita bom este , e não tem cogumelos, han? podes comer à vontadinha :P

      beijoo (e mais uma vez obrigada! )

  • Reply Lia Teixeira Abril 2, 2014 at 10:11 am

    Bem o que já me ri com o “tapar rachas na parede…”.
    Acontece várias vezes o arroz ficar tipo cimento, mas dá sempre para fazer algo com ele e adorei as duas sugestões que apresentas e os rolinhos de couve em especial, têm um aspecto fabuloso!
    Beijinhos,
    Lia.

    • Reply NotGuiltyPleasure Abril 2, 2014 at 11:19 pm

      Temos é de inventar alternativas ao arroz-cimento, mas olha que este estava potente, o que vale é que teve salvação ihih :P

      Os rolos de couve são uma delícia!!

      beijinho*

    Leave a Reply